WeCreativez WhatsApp Support
Nossa Equipe está aqui para responder às suas perguntas.
Oi, como podemos ajudar?

Descoberta maior jazida de titânio do mundo nas proximidades de Cidade do Leste.

Empresas brasileiras pretendem investir USD 260 milhões na produção de açúcar e álcool no Paraguai
18 de novembro de 2010
Revista Enfoqueconomico – Número 32
13 de dezembro de 2010
Exibir tudo

Descoberta maior jazida de titânio do mundo nas proximidades de Cidade do Leste.

Titanio

Titanio

A notícia foi dada por David Lowell, um dos geólogos mais respeitados do mundo, e diretor da empresa CIC Resources, durante encontro com investidores internacionais promovido pela empresa MZ Minerals International, empresa australiana especializada neste minério.

De acordo com Lowell, com esta descoberta o Paraguai poderá controlar o preço mundial deste importante mineral, usado principalmente em ligas de alta resistência.

Na fase de exploração, será necessário um investimento de aproximadamente USD 500 milhões para a extração anual de 5 milhões de toneladas, segundo o geólogo americano, responsável pela descoberta da maior jazida de cobre no mundo, La Escondida, no Chile, em 1981.

A jazida encontra-se próxima do lago de Itaipu, em uma área de 185.000 hectares, entre os departamentos (estados) de Alto Paraná e Canindeyú.

Fonte: Diário Última Hora, Asunción.

Fonte: Diário Última Hora, Asunción.

Paraguai: nova fronteira da mineração

O anúncio da descoberta de titânio em larga escala não é fato isolado, e constitui só mais uma dentre outras importantes descobertas da mineração no país nos últimos anos.

Em 2007, por exemplo, a mineradora canadense Transandes SA encontrou uma mina com 9 milhões e meio de libras de urânio, no município de Yuty, departamento de Caazapá, no sul do país.

Para 2011, a expectativa é aumentar a reserva em 20 milhões de libras, com a prospecção da jazida de San Antonio, próximo a Yuty.

Se a descoberta se confirmar, tornará viável a exploração comercial deste mineral em grande escala no país.

Na atualidade, o preço do urânio está em USD 60,00 a libra, com tendência de aumento devido à necessidade cada vez mais crescente de energia por parte da China.

A descoberta do ouro

A primeira descoberta que pode ter mudado a mineração paraguaia ocorreu em 2002, quando um equatoriano encontrou, junto a sua namorada paraguaia, ouro na localidade de Paso Yobay, região central do Paraguai, a 220 km de Asunción e 200 km de Cidade do Leste.

A região, até então conhecida por sua erva mate a algodão, começou uma importante  quantidade de garimpeiros, que hoje chega a 2.000 pessoas, que hoje retiram perto de USD 8 milhões anuais com a venda deste minério.

A partir de 2007, entrou em operação a primeira mina industrial de ouro na localidade, através de um investimento de USD 5 milhões da mineradora canadense Latin American Minerals.

A exploração comercial está iniciando neste ano, com a entrada em funcionamento das primeiras máquinas pesadas.

Potencial desconhecido

O Paraguai é um dos poucos países da região que nunca tiveram grandes investimentos em prospecção mineral, mesmo na época da colônia, quando os espanhóis concentraram-se nas riquezas já existentes dos impérios Inca e Maia.

Com o recente ritmo de crescimento econômico imposto por gigantes como Índia e China, que demandam uma quantidade maior de matérias primas do que se consegue produzir, houve uma significativa valorização de quase todos os minérios conhecidos, tornando atrativa a exploração de territórios antes desconhecidos, entre eles, o Paraguai.

Para o secretário de minas do governo paraguaio, Victor Vernández Cros, a mais nova fronteira mineral do continente.

Os comentários estão encerrados.

EnglishPortugueseSpanish