WeCreativez WhatsApp Support
Nossa Equipe está aqui para responder às suas perguntas.
Oi, como podemos ajudar?

BRASPARTNER Adota Escolas como Responsabilidade Social

Exportações industriais do Paraguai ao Brasil crescem 49% no 1º Semestre de 2017
14 de julho de 2017
Produto Interno Bruto do Paraguai chega a USD 64 bilhões em 2016.
24 de julho de 2017
Exibir tudo

BRASPARTNER Adota Escolas como Responsabilidade Social

Sim, uma empresa deve ganhar dinheiro para sobreviver e reinvestir para continuar crescendo.

Mas a comunidade que a ajuda a conquistar o sucesso é ainda mais importante, pois são todos os membros da sociedade que contribuem, de diferentes formas, ao lucro das empresas.

Por isso, o BRASPARTNER vem ajudando escolas e alunos carentes da área rural paraguaia, como a “Escuela Básica San Miguel”, da comunidade de Natalício Talavera, onde, apesar do alto crescimento das últimas décadas, ainda existem inúmeras carências.

Entre as ações levadas adiante estão a entrega de uniformes completos, incluindo as confecções feitas pelo BRASPARTNER, calçados, o café da manhã e o almoço escolar.

Posteriormente, serão capacitados os pais destes alunos em atividades diversas, para que dentro de um ano, possam obter rendimento mínimo suficiente por seu trabalho para que saiam da pobreza de forma sustentável, ao contrário de programas como o Bolsa Família, que em lugar de reduzir a pobreza, a eternizam.

Até o fim de 2017, o objetivo é adotarmos ao menos oito escolas rurais carentes e um posto de saúde rural.

No Paraguai, ao contrário do Brasil, 90% do lucro fica com as empresas, que ainda possuem inúmeras vantagens tributárias para poderem produzir com baixo custo.

Portanto, se a responsabilidade social é uma obrigação no mundo inteiro, no Paraguai , 90% da responsabilidade de acabar com a pobreza e oferecer oportunidade para que todos consigam uma vida digna, é nossa.

Sendo assim, convidamos nossos clientes e colaboradores a se juntarem aos diferentes esforços em suas comunidades, em um país que nos acolheu de braços abertos, e nos deu a possibilidade de crescermos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

EnglishPortugueseSpanish